Seleção Brasileira × na web de torcedores da Seleção Brasileira.
Seleção Brasileira
A rede social de torcedores da
Seleção Brasileira

Dependência do MSN e Luis Enrique ilhado: queda do Barça não é do nada

thiagomerces Por thiagomerces

em 15-02-2017 às 16:58

Cavani comemora
Cavani comemora

A crise se instalou no Barcelona após o vexame no Parc des Princes. Apesar de em teoria ainda haver chance de classificação às quartas de final da Liga dos Campeões, nem os próprios jogadores, comissão técnica e diretoria acreditam muito que o time será capaz de tirar a larga vantagem conquistada pelo Paris Saint-Germain, que deu show em campo e goleou por 4 a 0. O resultado, claro, foi surpreendente. Mas a queda no futebol do Barça não aconteceu do nada. Ela vem desde o início da atual temporada. Por isso, o técnico Luis Enrique está cada vez mais sob pressão.

Analisando friamente, o Barcelona encontrou dificuldades contra todos os adversários de alto patamar que encarou de agosto para cá. Além da derrota para o PSG pelas oitavas da Champions, perdeu por 3 a 1 para o Manchester City, na Inglaterra, pela fase de grupos, em jogo que poderia ter sofrido outra sonora goleada, e apenas empatou por 1 a 1 em casa com o Real Madrid pelo Campeonato Espanhol.

Ainda pela fase de grupos do torneio continental, o Barça venceu o City por 4 a 0, mas não é exagero afirmar que o placar não diz o que foi a partida. No primeiro tempo, o time inglês botou muita pressão, mas o Barça contou com um escorregão de Fernandinho, as defesas do goleiro Ter Stegen e o talento individual de Messi para vencer.

E recentemente houve duelo com o Atlético de Madrid pela semifinal da Copa do Rei, em que os catalães também levaram bastante pressão nos dois jogos e não tiveram grandes atuações coletivas: no primeiro, contaram com golaços de Suárez e Messi para vencer por 2 a 1, no Vicente Calderón, e no segundo se fecharam atrás, com direito a sufoco no fim no empate por 1 a 1, no Camp Nou.

As goleadas aplicadas sobre times pequenos como Hércules, Las Palmas e Eibar não servem de parâmetro, uma vez que na Espanha não há muito equilíbrio entre os times. E a grande atuação da temporada foi na vitória por 7 a 0 contra o Celtic pela fase de grupos da Champions, logo na estreia, mas a equipe escocesa tampouco oferece perigo.

 

LUIS ENRIQUE BATE DE FRENTE COM BUSQUETS

Como coletivo, portanto, o futebol do Barcelona tem sido pobre de maneira geral. O time se mostra totalmente dependente do trio MSN. Se Messi, Suárez ou Neymar não brilham, como aconteceu contra o PSG, o Barça não encontra brechas na defesa adversária. O capitão Iniesta, que é craque, começa a sentir a idade (32 anos) e sofre com problemas físicos constantes. E o outrora muito importante Rakitic caiu muito de produção e tem sido constantemente barrado. Figuras como Sergi Roberto e André Gomes não demonstram ter nível suficiente para a equipe titular.

Desde que Luis Enrique assumiu, no meio de 2014, a equipe nunca havia aparentado estar tão perdida como contra o PSG. O técnico levou um banho tático do comandante adversário, Unai Emery, e não foi capaz de reagir. Foi o estopim de uma crise interna entre ele e o elenco. Os jogadores não acreditam mais em "Lucho", que perdeu a credibilidade junto ao grupo, de acordo com informações da rádio espanhola "Cope". Com contrato válido até o término desta temporada, parece muito improvável que haja renovação. O fim do ciclo está próximo.

Uma entrevista concedida por Busquets logo após a goleada em Paris deixou clara a insatisfação do time com Luis Enrique.

- Eles foram melhores do que nós durante muitos momentos do jogo. O planejamento tático foi melhor do que o nosso. Estiveram melhor taticamente. Souberam fazer um plano que os levou onde queriam. Nós imaginávamos outra coisa. Nos preparamos para a partida de uma forma diferente - disse o volante à "TV3".

Ao saber das declarações de Busquets durante sua entrevista coletiva, Luis Enrique não aceitou a crítica e bateu de frente com seu jogador.

- Não sei a quê se refere o Busquets. Não é verdade que eles nos surpreenderam, mas não vou entrar nessa questão porque não sou a favor desse tipo de entrevista feita em pé no campo logo que acaba o jogo, quando se está a 200 por hora. Não acredito que esse tipo de entrevista seja verdade.

Para piorar, Luis Enrique vive às turras com a imprensa que cobre o dia a dia do Barça. Após o 4 a 0, o técnico se envolveu em outra discussão com jornalista ao ouvir do mesmo a afirmação de que o time não mudou nada do primeiro para o segundo tempos. Como uma bola de neve, voltou a ser duramente criticado pela mídia local pela atitude.

A única vez que o Barcelona havia perdido por 4 a 0 o jogo de ida em um mata-mata da Champions foi em 2013, contra o Bayern de Munique - a volta, em casa, foi igualmente ruim com nova derrota, por 3 a 0. Tito Vilanova era o técnico. Só que, naquela ocasião, havia a desculpa de que Messi estava jogando no sacrifício por estar lesionado. Desta vez, em Paris, não há desculpa que justifique o vexame, na opinião da imprensa catalã, e até o craque argentino, tratado como Deus em Barcelona, foi criticado. Até ele pareceu estar perdido em campo, o que para a mídia local é culpa de Luis Enrique.

Em busca de uma missão quase impossível, o Barça terá o jogo da volta contra o PSG daqui a três semanas, no Camp Nou. No Campeonato Espanhol, as coisas também não vão tão bem, uma vez que o time tem duas partidas a mais do que o Real Madrid e ainda assim está um ponto atrás do maior rival, que é o líder. A única alegria é na Copa do Rei, onde o Barça está na final e enfrentará o modesto Alavés para decidir o campeão no dia 27 de maio, só que é o torneio de menos valor desses três em disputa. Ou seja, terminar a temporada com apenas o título da Copa do Rei é pouco para um time do porte do Barça. E o peso do fracasso vai para as costas de Luis Enrique.

Fonte: globoesporte.com
Sua comunidade,
no seu celular
1 VOTOS

Obrigado/a por colaborar conosco. Comprovaremos a notícia denunciada e atuaremos em conseqüência.

Novos comentários

Deseja participar desta seção?

- Se você já está registrado, entre.

Se ainda não está registrado em paixaocanarinha.com.br:

Registre-se com Facebook